Entender o passo a passo de como montar uma padaria é uma excelente opção para quem pensa em criar um novo negócio. 

Afinal de contas, as padarias fazem parte da vida e da rotina de todos nós. Sendo que, em muitas regiões do país, é bem comum que as pessoas acordem cedo e vão buscar aquele pão quentinho, recém-saído do forno. 

Portanto, se você quer entender como montar uma padaria e faturar alto, saiba neste artigo as ações necessárias para te ajudar nesse processo. Confira tudo isso e mais abaixo! 

 

Como montar uma padaria: passo a passo completo! 

Como Montar Uma PadariaMontar uma padaria pode ser um negócio lucrativo. Afinal, esse setor movimentou mais de 96 bilhões no ano de 2018, segundo dados divulgados no Diário do Comércio

Entretanto, como você já deve saber, a concorrência também é alta nesse ramo! 

E, infelizmente, essa concorrência não é composta apenas de padarias, mas também de supermercados, mercearias e outros modelos de negócio especializados na comercialização de alimentos. 

Nas últimas décadas, tornou-se comum a venda de pães em supermercados. Por isso, para montar uma padaria de sucesso é preciso oferecer algo exclusivo ou diferenciado. 

Visto que as pessoas, muitas vezes, optam pelo preço baixo e pela facilidade de já comprar o pão ao passar no supermercado. 

Então, é preciso fazer um bom planejamento estratégico e financeiro. Assim, você garante que seu negócio funcione bem e que seu lucro seja alto. 

Não sabe, ao certo, por onde começar? Não se preocupe! Confira abaixo o passo a passo! 

 

1. Conheça os diversos tipos de padaria 

Já faz tempo que as padarias deixaram de ser o local onde apenas encontramos pães quentinhos pela manhã. 

Hoje, há uma grande variedade no que se pode oferecer. Assim, podemos dizer que há diversos tipos de padaria. Dentre elas, temos, por exemplo: 

 

  • Padarias de conveniência 

Em primeiro lugar, temos as padarias de conveniência. Esse tipo de padaria corresponde àquelas encontradas em bairros tipicamente residenciais.  

Por isso, além dos pães e outros itens de fabricação própria, elas oferecem também alguns produtos comuns daqueles mercados de bairro. Como leite, café, frios, doces, bolos etc. 

 

  • Padarias do tipo boutique 

São aquelas localizadas em bairros de maior poder aquisitivo, cuja clientela está disposta a pagar mais por certos itens.  

Assim, além do essencial, elas vendem também produtos diferenciados. E que nem sempre são encontrados em supermercados de bairro. 

Tendo como principais produtos os de fabricação própria. E até mesmo alguns importados, como vinhos, queijos, chocolates, doces finos etc. 

 

  • Padarias de serviço 

Em terceiro lugar, temos as padarias de serviço. Que, por sua vez, são aquelas localizadas em centros comerciais ou regiões bem movimentadas.  

Além dos produtos tradicionais, elas oferecem também opções prontas, para serem consumidas no local. Como, por exemplo lanches, bolos, tortas, pedaços de pizza, docinhos etc. 

 

  • Pontos quentes 

No caso desse tipo de padaria, a ideia é abrir uma filial de uma padaria já existente no mercado.  

Consequentemente, você recebe produtos semi-prontos, como pães e bolos embalados e que devem ser assados no seu estabelecimento. O que elimina parte do processo de produção dos alimentos e facilita o seu trabalho. 

 

  • Outros modelos de padarias 

Além destes modelos mais comuns, atualmente, há também outros. Como, por exemplo, padarias 24 horas.  

Ou até mesmo padarias delivery, que tenham sistema próprio de entrega ou que utilizem empresas especializadas como o iFood.  

Por último, também convém destacar a existência de padarias especializadas num determinado público. Como, por exemplo, padarias para o público vegano, ou com alimentos sem glúten. 

 

2. Escolha do ponto comercial 

Ponto comercial da padariaPara quem quer descobrir como montar uma padaria, uma decisão muito importante é a escolha do ponto comercial. 

Sobretudo, pois como você viu acima, a região em que se situa a sua padaria, pode te ajudar a definir o que você vai vender. 

Portanto, é preciso fazer uma boa pesquisa e levar todos esses detalhes em consideração antes de tomar uma decisão. 

Atualmente, o mais comum é que as padarias estejam localizadas em bairros residenciais. 

Contudo, ter um espaço, ainda que pequeno, no centro da cidade, ou num lugar onde haja bastante comércio, também é uma boa opção. Na verdade, hoje em dia, há até mesmo padarias dentro de shoppings centers. 

Assim, como você pode perceber, as alternativas são bastante variadas e essa decisão deve ser tomada com cautela! 

Na hora de escolher o ponto comercial, também é de extrema importância avaliar o espaço que você terá. 

Já que, no caso de você produzir os pães e outros itens relacionados, será preciso ter um espaço para isso. Com todos os equipamentos necessários.  

Além do espaço onde as pessoas podem comprar aquilo que desejam e também de um local apropriado para manter o seu estoque de produtos. 

Consequentemente, a busca pelo espaço perfeito, nem sempre dá certo. E, muitas vezes, será preciso reformar o ponto comercial para adequá-lo às suas necessidades.  

O que demandará um pouco mais de dinheiro e até mesmo autorização do dono do ponto comercial. No caso de você optar por alugar um ponto e não por comprá-lo. 

 

3. Defina sua estrutura 

EstruturaAinda complementando o passo anterior, também é necessário começar a pensar na organização da sua padaria. Para isso, é preciso já ter em mente o que você deseja oferecer. 

Além do que já citei acima, de ter um espaço para produzir os alimentos e um espaço para comercializá-los, também vale pensar em outros detalhes. 

Como, por exemplo, em quais alimentos ficarão em expositores, para facilitar e agilizar a compra.  

E naqueles outros que ficarão em balcões de atendimento. Ou seja, aqueles que o consumidor precisará do atendimento de um funcionário para a pesagem antes da compra. 

Além disso, se você for trabalhar com alimentos para serem consumidos no local, também é necessário organizar mesas ou bancadas e cadeiras. Para que seus clientes possam ter uma boa experiência de consumo dos seus produtos. 

Por último, também vale pensar na decoração. Afinal, ter um ambiente aconchegante e convidativo pode te ajudar a oferecer uma boa experiência à sua clientela! 

 

4. Definição do público-alvo 

Em conjunto com as decisões dos tópicos acima, também é preciso pensar no seu público-alvo. 

Então, o ideal é que você estude a clientela da região em que irá abrir sua padaria. Levando em consideração, fatores como a faixa etária, a classe social, os hábitos de consumo e até mesmo o estilo de vida desse público-alvo. 

É sempre importante lembrar que os produtos favoritos de uma clientela mais jovem, podem ser bem diferentes dos produtos favoritos de uma clientela composta por pessoas de mais idade. 

Para exemplificar, os mais jovens podem estar mais interessados em opções práticas e rápidas. Já os mais velhos, podem estar interessados em produtos mais tradicionais, como o pão francês. 

Assim, com esses dados em mãos será mais fácil oferecer os produtos certos para o seu público. Consequentemente, garantir o sucesso do seu negócio! 

 

5. Esteja atento às oportunidades de mercado e a opções de diferenciação 

Acima, eu já falei um pouco sobre o fato da concorrência das padarias também incluir mercados. E também da necessidade de se ter um diferencial. Portanto, nesse tópico, quero explicar, um pouco mais sobre essa etapa tão importante! 

Só para exemplificar, se você achar um ponto comercial próximo a uma academia bem movimentada, uma alternativa interessante é oferecer produtos especializados para esse público.  

Como, por exemplo, pães, bolos e doces fitness. Além de opções como saladas de fruta, lanches naturais e outros alimentos com baixo teor calórico. 

Já quem encontrar um ponto comercial numa região onde há predominância de escritórios, uma opção seria o oferecimento de diversos tipos de cafés para serem levados para o trabalho.  

Ou mesmo, trabalhar com o sistema delivery e entregar esses e outros produtos no local de trabalho dessas pessoas. 

Por outro lado, se você perceber que há muitas pessoas jovens e que gostam de sair à noite, talvez, seja uma boa ideia estender o horário de funcionamento da padaria, ainda que seja na sexta-feira ou no sábado. 

E também oferecer opções prontas, para serem consumidas no local, como lanches, salgados e porções, além de sobremesas como bolos e doces. 

Portanto, vale a pena, conhecer o bairro onde a padaria será estabelecida para encontrar opções de diferenciação como estas.  

Sem dúvida alguma, isso te ajudará não só a vender mais. Mas também a encontrar uma clientela fiel ao seu estabelecimento. O que faz toda a diferença no seu lucro mensal! 

 

6. Defina seu mix de produtos 

mix de produtos de uma padariaDefinir o mix de produto, também é um dos passos mais importantes de como montar uma padaria. 

Aqui o ideal é trabalhar tanto com produtos de fabricação própria, quanto com produtos de fornecedores. 

Quanto aos produtos de fabricação própria, o essencial são os pães de diversos tipos. Como, por exemplo, o pão francês, pão de leite, pão de forma, baguete, pão integral etc. Contudo, outras opções são os salgados, bolos e doces. 

Já quanto aos produtos de fornecedores, vale a pena levar em consideração as oportunidades de mercado encontradas. 

Lembrando que algumas opções comuns do que vender numa padaria são: 

  • Leite e iogurte. 
  • Diversos tipos de queijos, além de presunto e salame. 
  • Produtos como maionese, margarina, requeijão e patês de fabricação própria ou de terceiros. 
  • Sorvetes de massa ou picolés. 
  • Bolos, tortas e outros doces, como brigadeiro, trufas etc. 

Portanto, comece escolhendo os produtos de acordo com seu público e as oportunidades de mercado encontradas. 

No entanto, isso é algo que pode e deve ser ajustado com o tempo! 

Visto que, depois de alguns meses você saberá quais são os produtos mais procurados pela sua clientela. E saberá também quais produtos têm baixa ou não têm nenhuma saída.   

Assim, você consegue ir deixando de lado produtos que não vendem bem. E investindo naqueles produtos mais procurados. Dessa forma, você maximiza suas vendas e seu lucro! 

 

7. Invista nos equipamentos necessários 

EquipamentosPara quem irá trabalhar com pães de fabricação própria, há vários equipamentos que precisam ser adquiridos. 

Como, por exemplo: 

  • Forno
  • Freezer
  • Batedeira
  • Assadeiras
  • Amassadeira
  • Modeladora
  • Divisora de massa
  • Mesa para a preparação
  • Utensílios para confeitaria

Além disso, outros equipamentos podem ser necessários, dependendo de quais outros produtos você vai oferecer. 

Por isso, é muito importante fazer uma boa pesquisa de mercado e encontrar bons preços na hora da compra. 

Também é necessário pensar no tamanho da sua padaria e na quantidade de clientes que você espera atender. Já que é isso que vai definir a sua necessidade pelos equipamentos. 

Desse modo, você compra os equipamentos certos para o seu negócio e economiza dinheiro desde o começo! 

É claro, há sempre a opção de aumentar a sua produção, conforme a necessidade. Portanto, comece comprando o necessário e vá reinvestindo seu lucro em melhorias e no aumento da produção. 

Além dos equipamentos citados acima, é bom lembrar que você também precisará adquirir outros. 

Como, por exemplo, o balcão de atendimento, prateleiras e outros móveis para a exposição dos produtos. Mesas e cadeiras, se for oferecer esse tipo de serviço. 

Além de embalagens, como sacos de pão, sacolas, embalagens para tortas, bolos e doces. E também utensílios como copos, xícaras, talheres, pratos etc. 

 

8. Encontre bons fornecedores 

Encontrar bons fornecedores também é um passo essencial de como montar uma padaria. 

Afinal, você precisará tanto de fornecedores de matéria-prima, quanto fornecedores para outros produtos que você deseje revender. 

O essencial, como em qualquer outro modelo de negócio, é encontrar fornecedores com bom custo-benefício. Pois, assim, você aumenta sua margem de lucro. Portanto, pesquise bem na sua região. 

Além disso, também é interessante encontrar pequenos fornecedores locais para alguns produtos.  

No caso de você revender bolos, por exemplo, é interessante encontrar alguém na sua cidade, com quem você possa comprar produtos saborosos, mas com bom preço, devido à grande quantidade. 

 

9. Crie sua equipe de trabalho 

EquipeO próximo passo de como montar uma padaria é criar a sua equipe de trabalho. 

É claro, isso vai depender daquilo que você vai oferecer e também do tamanho da sua padaria. 

De forma geral, você precisará de um padeiro e ajudantes de padeiro. Além disso, precisará também de alguém para atender aos pedidos dos clientes no balcão de atendimento e alguém para ficar no caixa. 

Todos esses profissionais devem ser qualificados, bem treinados e gerenciados, para desempenharem suas funções da melhor forma possível. Afinal de contas, eles serão os responsáveis pela manutenção do seu negócio! 

 

10. Esteja atento às exigências legais e fiscais 

O próximo passo é estar atento às exigências legais e fiscais na hora de abrir o seu negócio. 

Isso deve ser feito antes mesmo de começar a atender seus clientes. Portanto, o ideal é contratar um contador para te ajudar nesse processo. Sobretudo, se você nunca empreendeu e não entende muito sobre essa parte burocrática. 

Contudo, nesse processo, você precisará de: 

  • Obtenção do CNPJ, na Secretaria da Receita Federal. 
  • Registro na junta comercial. 
  • Cadastro no sistema da Conectividade Social da Caixa Econômica Federal – INSS/FGTS. 
  • Alvará de funcionamento, obtido na Prefeitura Municipal.
  • Alvará do corpo de bombeiros. Que deve atestar que seu estabelecimento atende todas as exigências de segurança e proteção contra incêndio. 
  • Alvará de licença sanitária. 
  • Registro no Sindicato Patronal. 

Além disso, também é preciso estar atento a todas as especificações e exigências dos órgãos responsáveis. 

 

11. Divulgação e marketing ao montar uma padaria

DivulgaçãoAqui, vale a velha máxima “quem não é visto, não é lembrado”. Portanto, o ideal é não depender das pessoas passando em frente ao seu estabelecimento para vender. 

Ainda que a padaria esteja localizada num ponto com grande circulação de pessoas, vale a pena investir na divulgação do seu negócio

Por isso, busque opções do marketing tradicional para alcançar a clientela da sua região. Através da entrega de panfletos, parcerias de divulgação com outros negócios locais e até mesmo o bom e velho cartão de visitas. 

Contudo, você pode também buscar a aquisição de clientes de outros bairros. Através da divulgação na rádio, em jornais locais, ou canais de televisão.  

Além do marketing digital, através da criação de uma fanpage no Facebook, ou de uma página no Instagram. 

E aqui vai uma dica importante! Se você tiver produtos saborosos e uma boa estratégia de diferenciação, tenha certeza de que as pessoas virão de outros bairros para comprar aquilo que só você oferece. 

Geralmente, as padarias mais famosas de uma cidade atraem não só o público do próprio bairro, mas também pessoas que estão dispostas a dirigir uma boa distância para poder comprar os seus produtos. 

 

12. Faça um planejamento financeiro detalhado 

Ao longo de diversos passos acima, já dá para ter uma ideia do seu planejamento financeiro. Foi justamente por isso, que decidi falar sobre esse assunto só no final desse artigo! 

Na prática, como você viu, você terá gastos como, por exemplo: 

  • Aluguel ou aquisição do ponto comercial. 
  • Equipamentos e outros produtos necessários para a fabricação dos pães. 
  • Expositores, mesas e cadeiras. 
  • Matéria-prima e produtos que não serão de fabricação própria. 
  • Funcionários. 
  • Divulgação e marketing. 

Portanto, agora é hora de colocar tudo no papel! Pense naquilo que você deseja criar em seu negócio e vá anotando tudo que for necessário. 

Antes de comprar, faça uma boa pesquisa de mercado, para que você possa encontrar qualidade e bom preço. 

E lembre-se que o retorno do investimento num negócio como este nem sempre é rápido. 

Sendo assim, além do capital inicial investido, também é necessário pensar no capital de giro. Isto é, no dinheiro que você precisará ter no caixa para manter o seu negócio funcionando, em caso de oscilações nas vendas. 

 

Agora, você já sabe como montar uma padaria de sucesso! 

Acima, você viu o passo a passo de como montar uma padaria. Tenha certeza de que, seguindo esses passos e fazendo um bom planejamento, você começa com muito mais chances de sucesso. 

Mas lembre-se que, como eu disse acima, a concorrência é alta e é preciso pensar em oportunidades de mercado e formas de se destacar.  

Espero que você tenha gostado das dicas e, se gostou, cadastre seu e-mail logo abaixo. Assim, você continua aprendendo tudo sobre como montar o seu negócio de sucesso! 

Sobre o Autor

error: Conteúdo protegido !!