O que é ROI e como calcular o Retorno Sobre Investimento

Para muitos empreendedores, principalmente os iniciantes, entender o que é ROI parece algo desnecessário. 

Afinal de contas, um dos grandes benefícios do marketing digital é que ele é barato, não é mesmo? 

Sendo assim, geralmente, quem começa um negócio digital ou quem usa as estratégias de marketing digital, raramente, se preocupa em fazer as contas! 

O grande problema é que quando você não tem noção do retorno que recebe a cada ação de marketing realizada, você não está apenas perdendo dinheiro. Já que pode ser que você esteja investindo em estratégias que não te dão um bom retorno. 

Você também estará gastando outro recurso precioso, o seu tempo! Imagine o que 6 meses ou 1 ano de investimento nas estratégias corretas podem fazer pelo seu negócio… 

Imaginou? Como você pode perceber, mais do que, simplesmente, perder dinheiro, você está também limitando o crescimento do seu negócio. Ou seja, pode ser que investindo em novas estratégias, ou ainda, realocando o dinheiro investido de uma estratégia para a outra, você venderia muito mais. 

Explicado isso, fica fácil entender a importância do ROI, não é mesmo? 

Mas se você ainda não sabe muito sobre o assunto, não se preocupe! Nesse artigo você vai descobrir o que é ROI e como calcular o retorno sobre investimento. Vamos lá? 

 

Afinal de contas, o que é ROI? 

O que é ROI e como calcular o Retorno Sobre Investimento

ROI é a sigla para a expressão em inglês “Return Over Investiment” que, em português, é traduzida como “Retorno sobre investimento.” 

Hoje em dia, é comum escutarmos, de diferentes fontes, o que funciona ou o que não funciona para o marketing. 

Partindo desse ponto, a maioria dos empreendedores iniciantes, sobretudo, aqueles que trabalham sozinhos, acabam aplicando o que ouvem dizer que funciona. 

E, de fato, algumas das estratégias de marketing digital tendem a funcionar bem para quase todo mundo. Independente do modelo de negócio, do nicho, ou do produto vendido. 

Esse é um comportamento ideal! Saber o que funciona no mercado e testar essas estratégias. 

No entanto, em algum momento, você deve começar a descobrir o que, de fato, funciona para o seu negócio. Isso vai te dar muito mais autonomia para trabalhar. E, é claro, vai oferecer resultados muito melhores. 

Em algum ponto, você vai precisar se perguntar: como saber exatamente quanto estou lucrando com cada estratégia? E como saber se o que eu estou investindo está me dando um retorno realmente válido? 

Essas dúvidas são, facilmente, respondidas calculando o ROI! 

O ROI, portanto, é o cálculo que define a correlação entre dinheiro ganho ou perdido após um investimento. Assim, tem como função principal apontar se determinada ação vale o investimento ou não. 

Aqui, outro grande benefício do marketing digital é que fica fácil calcular o ROI. Já que a maioria das estratégias de marketing digital pode ser, facilmente, mensurada! 

Esse é o caso de estratégias como os links patrocinados, marketing de conteúdo, marketing de redes sociais, e-mail marketing etc. 

Mas é importante destacar que o ROI não fica vedado apenas ao marketing digital, esse cálculo inclui tudo o que for feito em prol de lucro futuro, seja marketing, treinamentos, aquisições etc. 

Além disso, ele também pode ser usado para saber mais sobre as ações do marketing tradicional. Como, por exemplo, a panfletagem, anúncios em revistas ou jornais da região, propagandas em outdoors, anúncios no rádio, telemarketing etc. 

 

Como calcular o ROI? 

Agora que você já entendeu o que é ROI, vamos à parte prática. Abaixo, você vai descobrir como calcular o ROI. 

Para fazer isso, é preciso saber o que significa “receita” e “custos”. Já que esses dois conceitos serão utilizados no cálculo.  

E, também, porque os termos costumam gerar confusão e interpretações erradas. O que vai interferir no cálculo do ROI.  

  • Receita:  

É tudo aquilo que a empresa recebe a partir das vendas. No entanto, é preciso tomar alguns cuidados. Se você está calculando o ROI de uma estratégia específica, como o do e-mail marketing, é preciso pensar apenas na receita gerada por essa estratégia. 

Nesse caso específico, seria necessário mensurar o valor das vendas geradas através do e-mail. E não incluir nesse cálculo, o valor das vendas geradas por outras estratégias, como reviews no blog, vídeos no Youtube etc.  

  • Custos:  

São todas as despesas feitas para que aconteça o lucro. Além do dinheiro gasto, especificamente, com a estratégia em questão, é preciso pensar em gastos secundários. É, justamente, nesse ponto que a maioria das pessoas erra! 

Pense se, por exemplo, você precisou de treinamento nessa área? Ou então, precisou terceirizar esse serviço? Esses gastos também devem ser incluídos no cálculo. 

Agora que você já entendeu o que é a receita e o que é o custo, vamos ao cálculo! 

Para calcular o ROI, você deve: 

  1. calcular o valor da receita menos o custo; 
  2. dividir o resultado pelo custo;
  3. multiplicar por 100. 

Seu resultado final será uma porcentagem. 

Podemos exemplificar a equação acima de uma forma bem simples. Vamos supor que você decida vender um produto digital como afiliado usando o Facebook Ads. 

O primeiro passo seria descobrir sua receita, ou seja, o valor que você ganhou com as vendas. Vamos supor que você tenha recebido R$ 2.000,00 numa única campanha. 

O próximo passo é considerar os custos, ou seja, os seus gastos com a estratégia. Vamos dizer que você tenha gasto com os anúncios e também com a terceirização do trabalho. Nesse processo, você acabou gastando R$ 500,00. 

Para calcular o ROI então, faríamos a conta: 

  • 2500 – 500 = 2000 
  • 2000 / 500 = 4 
  • 4 * 100 = 400 

Ou seja, o ROI dessa estratégia seria de 400%. Isso quer dizer que a cada R$ 1,00 investido, você teria recebido R$ 4,00 de lucro. E isso te daria as bases para definir se isso é bom para o seu negócio ou não. 

O que, na prática, é muito relativo! Dependendo do produto que você venda, esse lucro pode ser ótimo, ou pode ser muito baixo. 

 

Por que o ROI é tão importante para minha empresa? 

Agora que você já entendeu o ROI e como calcular o retorno sobre o investimento, quero destacar alguns pontos importantes. 

Embora eu já tenha falado, brevemente, sobre isso acima, é hora de entender, de fato, porque o ROI é tão relevante. 

Em primeiro lugar, é preciso destacar que, hoje, existe uma infinidade de estratégias de marketing digital. 

Como, por exemplo, o marketing de conteúdo, e-mail marketing, marketing de redes sociais, marketing de influência, links patrocinados, anúncios nativos etc. 

Se quiser saber um pouco mais sobre o assunto, leia também este artigo: Tipos de marketing: conheça os principais e suas estratégias.

Nesse cenário tão amplo, como eu disse acima, é impossível prever como cada uma dessas estratégias vai funcionar exatamente.  

Já que cada negócio tem suas particularidades. Como o nicho de mercado e, principalmente, todas as especificações da sua persona. 

Acompanhar o retorno sobre o investimento, portanto, é prioridade, e ajuda a responder diversas questões relacionadas a lucros e gastos. 

Aqui, portanto, precisamos levar em consideração algo que muitos empreendedores ignoram! Fazer muitas vendas, nem sempre significa obter muito lucro! 

Sem dúvida alguma, você pode aumentar suas vendas a partir de um investimento em publicidade. Mas, será que essas vendas compensam o valor que você está investindo para que seu produto seja alcançado pelo público? 

É fundamental investir em novas estratégias e diversificar à maneira pela qual se alcança os clientes em potencial. Mas nem todo investimento feito lhe dará um retorno, realmente, válido. 

E é só através do ROI que você terá a noção exata de quanto está ganhando. 

Mais do que isso, como também já disse, o ROI te ajuda saber quais estratégias funcionam melhor para a sua persona. 

Dessa forma, você saberá quais estratégias devem ser mantidas. Ou ainda, em quais ações de marketing você deve investir uma quantia maior de dinheiro.  

Se você perceber, por exemplo, que os links patrocinados têm dado bons resultados, é possível aumentar o capital investido. Assim, você conseguirá alcançar mais pessoas e terá resultados ainda melhores. 

E, além disso, quais estratégias podem ser excluídas do leque de marketing da empresa. Digamos que você tenha começado investindo em anúncios nativos, isso é ótimo para gerar tráfego rapidamente para quem está começando. 

Mas, depois de calcular o ROI, você percebeu que o lucro desses anúncios já não vale a pena. Nesse caso, você poderia cortar, totalmente, o investimento nos anúncios nativos. 

Só é preciso tomar cuidado! Algumas estratégias de marketing são muito importantes para alguns modelos de negócio. Como, por exemplo, o marketing de conteúdo, o e-mail marketing e o marketing de redes sociais. Que são essenciais para quem tem um negócio online. 

Nesses casos, não é recomendado cortar o investimento. O melhor é tentar otimizar essas estratégias, de modo a aumentar o lucro obtido. 

Como você pode perceber, pensando a longo prazo, o ROI te oferecerá uma visão mais clara de onde você deve alocar os seus investimentos. 

Também a longo prazo, isso te oferecerá a oportunidade de continuar crescendo e expandindo o seu negócio. E é por tudo isso que o cálculo do ROI deve ser uma prioridade na empresa. 

 

Entenda as 2 principais limitações e problemas do ROI 

Mesmo sendo uma ótima maneira de contabilizar o lucro da empresa, infelizmente, o ROI também possui algumas limitações. 

O empreendedor nem sempre entende isso! E isso pode acabar levando a alguns erros de análise. 

Veja abaixo, algumas limitações do ROI:  

  • Erros no cálculo: para quem está começando, nem sempre é fácil entender como mensurar os resultados de cada estratégia do marketing digital. Assim, muitas vezes, o empreendedor acaba errando o valor dos custos e, principalmente, das receitas. Isso, obviamente, vai influenciar no resultado final. O que pode criar a ilusão de que tudo está indo bem, quando não está ou vice-versa. 

Por isso, é preciso tomar muito cuidado e aprender sobre como mensurar cada estratégia corretamente. Afinal de contas, você pode acabar tomando uma decisão financeira que te fará perder dinheiro, ao calcular o ROI usando dados errados.  

  • Inflação: O cálculo também não leva em conta o aumento ou redução dos tributos inflacionários. Se você parar pra pensar, às vezes, um lucro de 10% ao ano poderá ser praticamente nulo, devido a impostos, tarifas, questões bancárias, etc. 

 

O próximo passo é analisar seus resultados 

Nesse artigo, você descobriu o que é ROI, como calcular o ROI, qual a sua importância e quais suas principais limitações. 

Como se pode perceber, a utilização do ROI pode ser uma ótima forma de melhorar a gestão financeira de sua empresa. O uso do ROI pode melhorar, de formas incríveis, o seu desempenho, lhe dando mais liberdade e confiança para realizar investimentos. 

Além disso, o ROI também vai te permitir fazer corte de gastos desnecessários. Analisando-o, e se utilizando dele para ter uma base de lucros e gastos reais, ficam evidentes quais são os investimentos que compensam e os que não compensam. 

Dessa forma, você vai poder focar naquilo que, realmente, importa! E, tenha certeza de que, em 1 ano, 5 anos, ou 10 anos, isso vai fazer uma diferença enorme! 

Muitos empreendedores até conseguem fazer o cálculo do ROI, essa é uma questão matemática simples! 

No entanto, o que vem depois não tem nada de simples! 

Quando o cálculo final do ROI apresenta um resultado negativo, é fácil entender que você está perdendo dinheiro. 

No entanto, quando o resultado é positivo, não existe receita de bolo na hora de avaliar se os investimentos são, de fato, efetivos e devem ser mantidos. 

A interpretação dos resultados obtidos é diferente para cada empresa. Dependendo do produto comercializado e do nicho, um ROI de 10% pode ser ótimo ou pode ser terrível. Por isso, descubra o que funciona para você e para o seu negócio, especificamente. Esse é o segredo! 

Espero que você tenha gostado desse artigo! E se você achou que essas dicas são relevantes, cadastre seu e-mail para que você receba todas as novidades do blog.

Avalie este artigo!
[Total: 1 média: 5]